Vereador Danilo de Morais indica a instalação do SamuVet em Extrema

Vereador Danilo de Morais

Pensando no bem-estar dos animais e em oferecer um tratamento de saúde adequado de emergência aos cães e gatos de rua e de famílias com baixa renda, o vereador Danilo de Morais indicou ao executivo a instalação do SamuVet no município.

O Serviço de Atendimento Móvel de Emergência Veterinária, já é realidade em outros municípios brasileiros e consiste em uma unidade móvel que auxilia animais de pequeno porte em situação emergencial.

O serviço será oferecido de forma totalmente gratuita, 24 horas por dia, sete dias por semana e adotará o mesmo método de resgate e transporte que o Samu adota com seres humanos, o que impede que os pacientes sofram traumas adicionais se não forem corretamente imobilizados durante o socorro.

“Temos um exemplo bem próximo de nós, essa semana a cidade de Bragança Paulista assinou acordos para a implementação no município do SamuVet. Pouso Alegre já tem o programa há algum tempo, e esse aprimoramento de cuidados com animais é muito importante. O município de Extrema vem avançando gradativamente nas políticas de cuidados e proteção animal com a ajuda de muitos cuidadores e ONGs, e a ideia do SamuVet é fazer com que esses cuidados melhorem no município e tenha uma ação mais efetiva em relação aos animais de rua e de pessoas com baixa renda”, ressaltou Danilo.

Com a unidade móvel de atendimento ficará muito mais fácil e rápido socorrer animais vítimas de maus tratos e acidentes que necessitam de atendimento clínico de qualidade e imediato. Eles serão socorridos por profissionais especializados e receberão os primeiros cuidados dentro da ambulância e posteriormente encaminhados ao ambulatório e/ou clínicas veterinárias de acordo com a necessidade de cada caso.

Desde o primeiro mandato, o vereador Danilo trabalha com políticas públicas em prol da defesa animal no município, e construiu uma sólida parceria de trabalho com a Polícia Civil, Militar e de Meio Ambiente, Ministério Público, Instituições e Associações Assistenciais do município, ONGs, e os Poderes Legislativo e Executivo que reforçam ainda mais a luta contra a violência animal. Danilo, ainda representa a Câmara no Comitê Municipal de Defesa Animal (Decreto de n°3.171 de 18 de maio de 2017).