Projeto de lei que concede mais emprego e maior renda às famílias de Extrema é aprovado pelo Legislativo

Outro tema defendido pela Câmara foi a concessão de apoio financeiro aos cidadãos do município

Na 20ª Reunião Ordinária da Legislatura 2017/2020 da Câmara Municipal de Extrema/MG, realizada na segunda-feira (13/8) foram aprovadas pelos onze vereadores um total de doze indicações e duas moções de congratulação e aplausos.

Além das proposições, a Câmara também votou favorável aos oito projetos de lei Nº 2.665, Nº 2.666, Nº 2.672, Nº 2.677, Nº 2.678, Nº 2.682, Nº 2.689 e Nº 2.690. Dois deles tratam da concessão de apoio financeiro soa cidadãos carentes e a doação condicionada de área industrial que resultará na ampliação das atividades de empresas instaladas no município, além de projetar maior faturamento e mais vagas de emprego para as famílias extremenses.

Conforme documento analisado e aprovado pela Casa de Leis, os novos empreendimentos pretendem ampliar suas unidades objetivando a melhoria da trafegabilidade dos veículos que escoam os materiais produzidos e a logística de acesso. A mudança das empresas para o Distrito Industrial dos Pessegueiros resultará ainda na redução de ruídos provenientes das fabricações de materiais e produtos. As empresas fazem parte do ramo da construção civil e estão ligadas à fabricação de estruturas metálicas para concreto armado e a fabricação de artefatos de cimento para uso em construção.

“São empresas que estão investindo no seu desenvolvimento e em seus colaboradores, ou seja, ampliando a oferta de trabalho e criando mais emprego e renda para as famílias de Extrema. A expansão das instalações dessas empresas movimenta a economia local e dá continuidade ao projeto de expansão e planejamento industrial do município, que conta com o total apoio do Legislativo”, comentou o presidente da Câmara, vereador Edvaldo de Souza Santos Junior – Juninho da Dello. Juninho disse ainda que a mudança das empresas para um local de melhor logística estimula a economia e o desenvolvimento social do município.

APROVAÇÃO DE INDICAÇÕES

A Câmara de Extrema aprovou indicações que sugerem estudo para construção de academia ao ar livre nas proximidades da Avenida Lavapés, a manutenção de ruas e cruzamentos de vias centrais da cidade, a instalação de redutores de velocidade nas estradas rurais, o recapeamento de trechos urbanos, a poda de árvores de praças, a manutenção de vias vicinais que ligam a zona rural ao centro da cidade, a criação de creches municipais para melhor atender a crescente demanda da população, oportunizar uma área esportiva (com playground e estacionamento) no bairro dos Forjos, a colocação de sinalização em lombadas, a solicitação de estudo para a construção de área para os skatistas no bairro Mantiqueira e o asfaltamento da Estrada Pedro Rosa da Silva, sentido às estradas rurais Betânia Aparecida Toledo e Cruz Coberta (parque da Cachoeira do Salto), que ficam na região dos bairros Saltos de Baixo, Cima e do Meio.

O vereador Luiz Fernando Ferreira – Mantega, vice-presidente do Legislativo, Leandro Marinho, 1º secretário, Telma Aparecida Maciel, 2ª secretária, Danilo de Morais, Dr. Roberto de Cunto, João Calixto de Morais, René Cursino, Rafael Silva de Souza Lima – Tita, Pericle Mazzi Filho – Pepi, e Sidney Soares de Carvalho – Walderrama também acompanharam a plenária. Quem usou a tribuna no Expediente do Dia foram João Calixto, Leandro Marinho, Dr. Roberto, René Cursino e Mantega. Já na Ordem do Dia foi a vez de Leandro, Telma, Dr. Roberto, Pepi, João Calixto e Danilo de Morais.

Ao final, o poeta de cordel, Ari Mendes, e a Miss Teen de Extrema, Camila Roberta de Toledo Barbosa, usaram a tribuna para falar sobre a violência às mulheres e o incentivo dado pelo Legislativo e Executivo na

promoção da cultura.

PRÓXIMA REUNIÂO

A 21ª Sessão Ordinária será às 19h30 da segunda-feira (27/8) e será transmitida ao vivo pela TV Câmara. Mais informações estão no site www.camaraextrema.mg.gov.br