Vereadores de Extrema cobram explicações do Supervisor de Trânsito

Os vereadores da Câmara de Extrema/MG, Edvaldo de Souza Santos Junior – Juninho da Dello, presidente, o vice-presidente, Luiz Fernando Ferreira – Mantega, o 1º secretário, Leandro Marinho, Danilo de Morais, João Calixto de Morais, René Cursino e Rafael Silva de Souza Lima – Tita, se reuniram com o supervisor do Setor de Trânsito da Prefeitura, Silvio Carlos Bezerra na quarta-feira, 5/04. A pauta girou em torno das mudanças ocorridas nos últimos dias nas ruas e avenidas da cidade, principalmente na Avenida Tiradentes que foi alvo de comentários nas redes sociais.

“É importante esclarecermos que estamos trabalhando com base no Manual de Medidas Moderadoras do Tráfego, ou seja, toda alteração e adaptação passam por um estudo e análise técnica. No caso da Rua Tiradentes que foi alvo de comentários, fez-se um traçado em forma de ‘S’ chamado de ‘chicana’, ou seja, um inibidor de velocidade, afim de preservar a integridade física dos pedestres e para aumentar a segurança também dos motoristas. Essa reorganização da via induziu forçosamente o motorista a conter a velocidade, aumentando assim a sua visão de tráfego. É um traçado usualmente utilizado em vias de grande movimentação que resulta na organização do espaço”, explicou o supervisor.

Ainda de acordo com Luiz, a criação de áreas de circulação exclusiva, o estreitamento de faixas de rolamento, a diminuição de raios de curvatura, a criação de percursos sinuosos e alterações no pavimento são medidas que contribuem para uma mudança de comportamento de condutores garantindo nas ruas e avenidas maior humanização. “Na década de 70 foi realizado um estudo com a finalidade de compreender a influência que diferentes larguras de faixas exercem sobre a segurança dos usuários e sobre a capacidade de fluidez de uma via. a publicação indica que faixas de 2,4m são ideias para garantir velocidades em torno de 40km/h, considerada a mais adequada para a circulação uniforme, amena e constante”, acrescentou.

Juninho, presidente de Legislativo, disse em entrevista que apresentará nos próximos dias uma proposta ao Executivo objetivando a criação de uma Comissão de Mobilidade Urbana com o intuito de apresentar propostas e discutir melhorias para o trânsito. “Estamos bastante atentos em questões que versam a segurança tanto dos pedestres quanto dos motoristas. Precisamos criar políticas públicas capazes de atender as necessidades da população e gerar impacto positivo na vida do cidadão”, comentou.